Pearl Jam faz Belíssimo Show em São Paulo e Homenageia as Vítimas de París

Em meio a fortes ventos envolvendo o estádio, Pearl Jam entra no Palco pela 4ª turnê apresentada para o Brasil, as 20:45 hr. Parte da decoração foi comprometida, fazendo com que o show tivesse quer ser interrompido por 10 minutos para acertar partes da estrutura e preparar para o temporal que se aproximava. Nesse show encontramos um Eddie Vedder solidário a situação apresentada recentemente em Paris, onde ele deixa claro isso no intervalo da segunda para a terceira música, com a sua folha clássica com um texto em português. As primeiras músicas “Long Road”, “Of the Girl” e “Love Boat Captain” fez com que esperássemos um show denso, até que os primeiros acordes de “Do the Evolution” começassem a invadir o estádio.

Com mais de 20 anos em palcos e muitas histórias para serem contadas, a banda continua com seus palcos simples, porém, com muita energia para passar para toda a galera presente. Os ventos continuavam fortes, até que Eddie pede para que o pessoal tenha paciência para que eles pudessem começar a acertar o palco e pega seu violão para tocar “Elderly Woman Behind the Counter in a Small Town”. Então começa-se a sessão muito esperada(pelo menos por mim): “Even Flow”, “Come Back”, “Swallowed Whole”, “Given to Fly”, Jeremy”, uma “Better Man” com chuva do meio até o fim e “Rearviewmirror” fechando o primeiro bloco do show. Para a segunda parte, a banda entra no palco com “Footsteps” e em seguida uma “Imagine” onde pegou todos desprevinidos, com a segunda homenagem do Pearl Jam para Paris, em meio a luzes de celulares por todo o estádio. Para finalizar o segundo bloco do show, terminaram com “Porch” e uma galera aos delírios, onde a chuva ficava imperceptível diante de tanto som.

Para o terceiro bloco, a banda entra com “Comatose”, “State of Love and Trust” e “Black”, onde ouvia-se todas as vozes do estádio cantando junto esse que seria um dos hinos do Pearl Jam. Depois de vários “We’ve belong, We’ve belong together… together… together”, “Alive” vem para deixar a galera mais animada ainda, mesmo com as luzes do estádio já acesas. Em seguida “Rockin’ in the Free World”, “Yellow Ledbetter”, que deveria ser a última músicas deles para os paulistanos, mas, vemos Eddie chamando todos ao palco pela última vez para que lançassem um cover de Bob Dylan, “All Along the Watchtower”.

Com três horas de show em um show com muitos sentimentos envolvidos, ventanias, cover e hits, definitivamente é um show para se carregar para a vida e não deixar simplesmente desaparecer como “hearts and thoughts they fade, fade awaayyy…”.

Setlist Completo:

Long Road
Of the Girl
Love Boat Captain
Do the Evolution
Hail Hail
Why Go
Getaway
Mind Your Manners
Deep
Corduroy
Lightning Bolt
Elderly Woman Behind the Counter in a Small Town (Ed solo devido dificuldades técnicas no palco)
Even Flow
Come Back
Swallowed Whole
Given to Fly
Jeremy
Better Man
Rearviewmirror

Encore 1

Footsteps
Imagine (John Lennon cover)
Sirens
Whipping
I Am Mine
Blood
Porch

Encore 2

Comatose
State of Love and Trust
Black (We Belong Together and Hey It’s Ok Tags)
Alive
Rockin’ in the Free World (Neil Young cover)
Yellow Ledbetter
All Along the Watchtower (Bob Dylan cover)

Thales Figueiredo

Um geek vidrado em jogos, filmes, séries, músicas, livros, HQ’s e diversas coisas relacionadas a esse mundo. Cientista da computação, web designer, músico nas horas vagas, geminiano e tremendo sonhador. Aceita com facilidade ofertas de café.