DIRETOR ADMITE ‘FALTA DE CONTEÚDO E POLIMENTO’ EM STREET FIGHTER V

Após uma onda de reclamações e vendas abaixo do esperado, o diretor executivo da Capcom, Kenzo Tsujimoto, admitiu que Street Fighter V deixou a desejar em seu lançamento por “falta de conteúdo e polimento”. A conferência pode ser lida clicando aqui.

“Alguns aspectos de Street Fighter V precisavam de mais tempo para serem desenvolvidos de maneira melhor, por isso tivemos problemas como falta de conteúdo e servidores instáveis no lançamento”, disse Kenzo. “Com isso, estamos cientes de que é melhor dar mais tempo para a produção de jogos e realizamos ajustes em nosso portfólio”.

Street Fighter V foi lançado em 16 de fevereiro de 2016 para PC e Playstation 4 com diversos problemas nos servidores, sem um modo história e com um roster de personagens considerado pequeno. A resposta da Capcom para melhorar as vendas do game incluem o lançamento de lutadores, skins e estágios, além do lançamento do modo história já em junho. Tudo isso poderá ser comprado com moeda do jogo, ou por dinheiro real.

O personagem mais recente lançado por DLC foi Guile. Já veterano da série, o personagem ganhou outra roupagem e alguns movimentos novos. Confira:

Gilberto Amaral

Publicitário que adora contar e ouvir uma boa história. Viciado em tudo sobre a cultura pop, de Andy Warhol a Carreta Furacão.