DIA DO GEEK POR ROBOTGEEKS

“Post feito em parceria dos membros Thales e Renan”

Vamos começar essa homenagem ao dia de hoje com uma simples pergunta: Você sabe porque hoje é considerado o dia do Orgulho Nerd? Espero que não, pois agora vai uma explicação!

O dia 25 de Maio, que é conhecido como o Dia do Orgulho Nerd ou Dia do Orgulho Geek ou ainda Dia da Toalha, consiste em uma iniciativa que defende o direito de qualquer pessoa a ser nerd ou geek e promover essa cultura tão rica comemorada nesse dia. A data foi escolhida, pois em 1977 tivemos a première do primeiro filme da saga Star Wars, o Episódio IV: Uma Nova Esperança. Nesse dia, não só o Star Wars é levado em consideração, mas também outros dois “feriados”: o Dia da Toalha, para os fãs da série O Guia do Mochileiro das Galáxias, do escritor Douglas Adams (Monty Python) e o Glorioso 25 de Maio para os fãs da série Discworld, também uma forma de homenagear seu criador Terry Pratchett.

A iniciativa desse dia teve origem na Espanha, em 2006, com o “Dia del Orgullo Friki“, e se espalhou para o mundo pelo deus Internet. E claro, temos nosso manifesto próprio que apareceu em 1998, uma criação de Tim McEachern, O Manifesto apareceu pela primeira vez nos Estados Unidos, durante o Geek Pride Festival.

MANIFESTO NERD

1. Seja um nerd, sempre.

2. Tente ser mais nerd que todo mundo.

3. Se houver um debate nerd, dê sua opinião.

4. Salve e proteja todos os objetos nerds.

5. Tenha um “museu” nerd dentro da sua casa.

6. Não seja um nerd genérico: especialize-se.

7. Leia e veja tudo antes de todo mundo.

8. Vá à todas as estreias; com ou sem cosplay.

9. Nunca jogue fora seus objetos nerds.

10. Tente conquistar o mundo! 

Basicamente, essa é a origem e o porquê do dia! Agora, vamos as principais influências, ok?

Star Wars

No dia 4 de Maio, se vocês se recordam e passaram pelo site, houve um especial sobre Star Wars onde falei um pouco sobre essa série, então, caso queiram conhecer mais sobre o que será dito agora, vá para o outro post de Star Wars e depois volte para cá… Iremos te esperar!

Se você já leu e entendeu um pouco mais sobre, vamos a algumas curiosidades sobre:

1. Darth Vader foi o primeiro personagem do universo Star Wars criado por George Lucas. Foram necessários três atores para dar vida ao vilão nas trilogia original: David Prowse (corpo) – que já havia feito uma ponta no clássico “Laranja Mecânica“, de Stanley Kubrick -, Sebastian Shaw (rosto) e James Earl Jones (voz). As falas do personagem seriam originalmente ditas por Orson Welles, mas Lucas desistiu da dublagem por achar que a voz do ator seria reconhecida.

2. David Prowse foi escolhido para interpretar Darth Vader principalmente pelo físico – o ator era campeão de halterofilismo. Ele tem 2 metros e pesava 118 kg na época das filmagens.

3. Prowse só soube que sua voz seria substituída pela voz de Jones dias antes da estreia do filme nos cinemas. Os dois nunca chegaram a se conhecer durante as filmagens.

4. A armadura do vilão é trabalho do designer Ralph McQuarrie, que faleceu em 2012. Já o som da respiração de Darth foi criado por Ben Burtt, que utilizou um regulador de mergulho para dar o efeito ofegante na voz do personagem.

5. Luke Skywalker foi um dos personagens que mais sofreu transformações ao longo de toda a produção. Primeiramente, ele seria uma mulher, depois um anão e por fim um general de 60 anos. Seu nome original ainda era Luke Starkiller e só foi alterado para Skywalker quando as filmagens começaram.

6. A lista de atores cotados para viver Han Solo era grande. Astros como Kurt Russell, Nick Nolte, Christopher Walken, Jack Nicholson, Al Pacino, Chevy Chase, Steve Martin, Bill Murray e Perry King recusaram o convite de George Lucas antes de finalmente Harrison Ford aceitá-lo.

7. O mesmo problema de elenco aconteceu na escolha da atriz que que viveria a Princesa Leia. Antes de Carrie Fisher, foram consideradas as atrizes Farrah Fawcett, Glenn Close, Barbara Hershey, Dianne Wiest, Jessica Lange, Sigourney Weaver e Anjelica Huston para encarnar a heroína.

8. Han Solo foi inicialmente concebido como um monstro verde com brânquias no lugar do nariz, mas George Lucas mudou de ideia e se inspirou no diretor e amigo Francis Ford Coppola para criar o personagem.

9. David Lynch e David Cronenberg recusaram dirigir “O Retorno de Jedi” e partiram para temas bem diferentes da ficção científica de Guerra nas Estrelas. Lynch até chegou a criar o próprio filme sci-fi chamado “Duna” (1984), baseado no romance de Frank Herbet, mas boa parte de suas produções têm o drama como foco principal. Já Cronenberg é conhecido pela direção de thrillers que misturam suspense e terror, como “A Mosca” e “Videodrome”.

10. Os figurinos de alguns personagens da franquia são inspirados em outras produções. O visual dos Stormtroopers vem das armaduras dos guerreiros teutônicos de “Alexander Nevski” (1939), do diretor Sergei Eisenstein. Já a aparência do C-3PO é baseado no androide feminino Maria do filme “Metrópolis” (1927), de Fritz Lang. O caçador de recompensa Boba Fett também é outro ícone da série e foi desenhado originalmente por Joe Johnston, diretor de “Capitão América: O Primeiro Vingador“, que, na época, trabalhava com efeitos especiais.

Matéria completa sobre as curiosidades: Clique aqui

Guia do Mochileiro das Galáxias

Criado por Douglas Adams,“O Guia do Mochileiro das Galáxias” apareceu pela primeira vez nos rádios ingleses em 1978 e pelo enorme sucesso, ganhou uma adaptação literária em cinco livros. Em 1981 a criação de Adams, também roteirista de Monty Python, ganhou uma série e finalmente em 2005, um excelente filme.

 

A história gira em torno de Arthur Dent, típico britânico despretensioso quanto a vida e que nunca foi muito longe. Por ventura, acaba tendo sua casa demolida por estar no caminho de uma autoestrada e no mesmo dia, descobre que seu melhor amigo é um alienígena e que o planeta está prestes a ser destruído. Partindo dessa premissa, Arthur e seu amigo Ford escapam de destruição iminente e vão parar no espaço, onde um universo nonsense os aguarda para uma epopeia que envolve, entre outras coisas, a busca pela resposta da “Questão da vida, o universo e tudo mais. ” (Spoiler Alert, a resposta é 42). Personagens carismáticos como Marvin, um robô maníaco depressivo, marcam a obra recheada de humor; aquele mesmo humor britânico que podemos encontrar em Monty Phyton, recheado de sarcasmo e crítica social. Porém o nonsense sobre o espaço e ficção cientifica, cheia de referências à outras obras como Star Wars, fazem do Guia do Mochileiro das Galáxias uma das maiores concepções nerds existentes. O próprio nome da obra faz referência a um livro famoso dentro do universo fantástico, confira o trecho “A razão de o Guia do Mochileiro das Galáxias ser o livro de maior sucesso da galáxia é, em primeiro lugar, por ser menor e ligeiramente mais barato do que a Enciclopédia Galáctica e, em segundo lugar, por trazer a frase “Não Entre em Pânico” em letras garrafais e amigáveis escrita na capa.” E esse guia traz também o significado do maior símbolo do dia do orgulho nerd ou dia da toalha; a própria toalha! Segundo o livro, ela é indispensável na vida do viajante das galáxias, podendo ser utilizada para toda e qualquer tipo de situação, inclusive as que envolvem a segurança de sua própria vida. Uma página inteira do guia é dedicada a importância da toalha, portanto após a morte de Adams; os fãs, como forma de homenagem, chamaram o dia 25 de Maio, de dia da toalha. A data também foi escolhida para o dia do orgulho nerd, devido a première de Star Wars Episódio IV, Em 25 de Maio de 1977.

Para Terminar!

Tanto Star Wars, quanto O Guia do Mochileiro das Galáxias, trazem protagonistas simples, mas que conquistaram grandes coisas. Não é sobre o cara popular, a garota mais sarada, os fortões de plantão que resolvem tudo na porrada. Pelo contrário, os protagonistas do mundo Geek são munidos de inteligência, curiosidade e desejo de fazer o bem. Logo essa identificação representa a maioria dos fãs que acompanham esse universo em expensão! Afinal já dominamos os cinemas, Summer Movies sem filmes de heróis, já é impensável tem alguns anos. E o que falar sobre as recentes publicações, em maioria das vezes, relançamento dos grandes clássicos da Ficção Cientifica; outro fenômeno atual. Quadrinhos que lotam as bancas cada vez mais! Etc etc etc! Portanto amigo nerd, tenha orgulho desse dia e tenha orgulho de você! Pois é diferente da grande maioria, diferente das pessoas que se esforçam para parecerem iguais umas as outras e lembre-se sempre NÃO ENTRE EM PÂNICO E QUE A FORÇA ESTEJA COM VOCÊ!

E você consumidor Geek vai querer acessas esses sites que estão com grandes promoção para esse dia. Lembre-se da regra número cinco do manifesto!

Livraria Cultura

Saraiva

Amazon

Submarino

E por falar em consumidores, alguns dos membros do site enviaram suas fotos do “Canto Nerd”, claro que apenas 1% da coleção de cada um foi representada, afinal não tínhamos câmeras IMAX para registrar tudo”

Murilo-2
Canto do Murilo!
Nan-Preferivel
Canto do Nan!
13267847_1008572832553612_1397849814864871492_n (1)
Canto do Thales (Thalin)

 

Thales Figueiredo

Um geek vidrado em jogos, filmes, séries, músicas, livros, HQ’s e diversas coisas relacionadas a esse mundo. Cientista da computação, web designer, músico nas horas vagas, geminiano e tremendo sonhador. Aceita com facilidade ofertas de café.