The Legend of Zelda: Breath of the wild, e o que esperar do jogo

A Nintendo não brincou quando disse que na E3 2016 iria dar uma ênfase muito grande no novo jogo da franquia Zelda, foram horas de apresentação do jogo com vídeos e curiosidades para deixarem os fãs da série ansiosos para ter o jogo.

Além do anúncio oficial com o nome do jogo “The Legend of Zelda: Breath of the Wild“, que irá sair para Wii U e NX, vimos também Link explorando um vasto mundo aberto e usando diversas habilidades mágicas, usando armadura metálica, lutando com lança, colocando fogo em matagais e até cozinhando. Podemos ver tudo isso neste trailer:

O novo jogo aparenta mostrar para nós alguns detalhes muito importantes a serem destacados:

Uma volta a origem: A Nintendo resolveu reimaginar a franquia, buscando inspirações nas origens da série, com um mundo aberto no qual os jogadores tinham a liberdade para decidir a ordem do que deveriam fazer. O resultado disso é algo que se aproxima um pouco mais de um RPG.

Mecânicas de RPGs: Uma das mudanças que a Nintendo fez foi no sistema de equipamentos do personagem, que nas séries anteriores Link havia um arsenal limitado que era ganho através de missões secundárias finalizadas, podendo agora usar uma seleção de armas bem maior, entre elas, galhos, espadas enferrujadas e lanças. Outras mudanças que mudam bastante para o modo RPG, é como o personagem terá para recuperar sua vida, tendo que recolher cogumelos, maças e outros tipos de suprimento (diferente de antes que tinha que achar os corações escondidos).

zelda_breath_of_the_wild_1

Cenário: O jogo promete ter um cenário gigantesco. Segundo Eiji Aonuma, o universo oferecido pelo jogo vai ser maior que qualquer um apresentado até agora na franquia. Você poderá encontrar figuras pacíficas para ajudar em sua jornada e também há diversos monstros que se colocam no caminho.

 

zelda_breath_of_the_wild_2

 

zelda_breath_of_the_wild_3

Dublagem: Enfim parece que a Nintendo resolveu que era preciso sair do seu modo conservador e o que aparenta no jogo é que teremos dublagem com atores reais.

Até o momento a empresa não deixou claro se irá ter muita diferença de gráfica entre as gerações de vídeo games (Wii U e Nintendo NX). The Legend of Zelda: Breath of the Wild será lançado em 2017.

Murilo Tavares

Tenho 27 anos, nascido sem sombra de dúvidas na melhor fase do mundo geek, nos anos 90 onde muitos animes bons vieram para o Brasil e fizeram sucesso. Sou formado em Engenharia da computação e trabalho como Analista de Suporte em uma Software House. No mundo geek sou mais ligado a livros, tenho uma grande síndrome de comprar livros mesmo que eu demore para lê-los. Gosto de animes, entre eles Yu Yu Hakusho, Os Cavaleiros do Zodiaco, Shurato, Dragon Ball e Hunter x Hunter. E meu herói favorito é o “amigão da vizinhança” o Homem Aranha.