As cidades perdidas de Uncharted: El Dorado

Chegamos a última cidade perdida de nosso pequeno especial , espero que esses locais tenham exercido o devido fascínio que os representa e para finalizarmos, traremos a cidade tratada no primeiro jogo da série Uncharted, a famigerada El Dorado.”

Munido dos mesmos ideais de Sir Francis Drake, Nathan encontra em seu diário a trilha de pistas que o levaria até a suposta El Dorado, cidade também conhecida como Manoa pelos indígenas. Situada em algum ponto da América do Sul, El Dorado tem sua origem como fruto de uma antiga lenda de raízes tribais, onde no século XIV, o sacerdote da tribo dos Muíscas, para determinado ritual, cobria-se com pó de ouro e se banhava nos lagos andinos. Esse mito possibilitou, em algum momento, a associação da prática com uma riqueza abundante e logo especulava-se sobre a existência de uma cidade que poderia armazenar tais riquezas. É fato comprovado que a tribo possuía algumas peças em ouro e que também as utilizavam para seus rituais, porém as buscas por parte dos exploradores que se aventuraram pela região, não foram bem sucedidas e logo surgiu a hipótese que os Muíscas estariam trocando esses objetos com outras tribos e a busca se expandiu, tal qual a lenda. Dentre os explorados que buscaram por El Dorado, temos Sebastián de Belalcázar, Nicolás de Federmann, Gonzalo Jiménez de Quesada, Francisco Orellana, entre outros. Durante os séculos seguintes, as buscas cobriram grande parte da América Central, do Planalto das Guianas e do norte do Brasil, em locais próximos à nascente do Rio Amazonas.

Muíscas
Muíscas
Antigo Mapa das Américas
Antigo Mapa das Américas

Talvez um dos exploradores a chegar mais longe durante a busca pela mítica cidade, tenha sido Walter Raleigh, que em sua própria expedição realizada em 1594, atravessou o Rio Orinoco até o interior da atual Guiana venezuelana. O aventureiro encontrou algumas peças e indícios de possíveis minérios de ouro, mas não obteve sucesso em encontrar a cidade, acreditando que estaria situada em algum lugar nas margens do Lago Parima, hoje próximo ao atual estado de Roraima, lago esse de existência duvidosa, embora através do relato do explorador, o local tenha sido acrescentado nos mapas da época. Raleigh enfrentou severa atividade dos espanhóis, que na época eram inimigos da coroa britânica, em sua segunda tentativa de encontrar a cidade, em 1617, acabou se envolvendo em um conflito direto com um posto espanhol, desacatando as ordem de seu rei em evitar conflitos; ato esse que culminou em sua execução por tal desobediência.

Antigo Mapa contendo o Lago Parima ao centro
Mapa trazendo ao centro o Lago Parima
Walter Raleigh
Walter Raleigh

Outro lago em evidência para os exploradores foi o Guatavita, diretamente associado com os Muíscas e apontado como origem da lenda, na Colômbia. Em 1545, os conquistadores, Lázaro Fonte e Hernán Perez, tentaram drenar o lago e encontraram ouro ao longo de sua margem, contribuindo para hipótese que o ouro estaria alojado em algum lugar daquela águas. Porém, por mais que drenassem, foram incapazes de atingir o fundo. Em 1580, Antonio de Sepúlveda; um homem de muitas posses, também tentou drenar o lago e encontrou algumas peças de ouro, mas também foi incapaz de chegar ao fundo, hoje todo local é uma área protegida pelo governo, especula-se que uma riqueza avaliada em 300 milhões de dólares em ouro, estaria no fundo no Guatavita.

Modelo exposto no museu de Bogotá, Colômbia, Representando o ritual muísca, onde o Zipa coberto por pó de ouro adentrava sua jangada e fazia oferenda de tesouros para a divindade contida no lago.
Modelo exposto no museu de Bogotá, Colômbia. Representando o ritual Muísca, onde o sacerdote, coberto por pó de ouro, adentrava sua jangada e fazia oferenda de tesouros para a divindade contida no lago.
lagoguatavita
Lago Guatavita

Finalizo dizendo que em Uncharted: Drake’s Fortune, El Dorado é representada por uma imenso sarcófago de ouro e jóias, essa associação é devido a lenda e o próprio nome fazerem referência a um “homem dourado”, logo, “El Doroado” e ainda ressalto que historicamente, Sir Francis Drake e El Dorado não possuem uma ligação atestada, diferente da situação apresentada no game. Encerro com a promessa de trazer mais matérias sobre cidades lendárias, que por seu ar místico e associações com grandes riquezas, mechem com nosso imaginário.

Relacionados: Filme Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal.

Edições anteriores: Libertalia, Iram dos Pilares, Shambhala

Compre Uncharted Collection: ShopB 

Fontes:

Livro: Jorge Magasich-Airola e Jean-Marc de Beer, América Mágica: quando a Europa da Renascença pensou estar conquistando o Paraíso.

Artigo: Ancient Origins

 

 

 

 

 

Renan Gonçalves

Geek assumido. Historiador, assíduo leitor, consumidor de cultura pop (o pop não poupa ninguém). Apaixonado por dinossauros e filmes desde que vi Jurassic Park no cinema! O filme que me desvirginou em 93. Fã de carteirinha de James Bond, desde que vi ele saindo com várias mulheres em todos os filmes, mas ele não me desvirginou (Eu acho). Apelido NAN ou Gaúcho, pois uso nó maragato e até de ginete algumas vezes!