Konami apresenta Metal Gear SurviVe na Gamescom

9 de Outubro de 2015. O fatídico dia em que Hideo Kojima deixou oficialmente a Konami.  Após todos os rumores, idas e vindas digitais, pistas e sinais, no dia 9 de Outubro de 2015, Kojima já estava completamente fora dos planos da Konami.

A partir de então, os fãs da série Metal Gear Solid se perguntaram (e se desesperaram) sobre qual seria o futuro da série. Até que, enfim, foi revelado na Gamescom 2016, o que virá (pelo menos em um primeiro momento) para a franquia.

Após a última tentativa um tanto quanto frustrada em levar o nome Metal Gear a outro gênero com Metal Gear Revengeance, a Konami arrisca novamente com Metal Gear: SurVive. O game ainda embalado pelo sucesso de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain, nos levará a uma nova dimensão com os soldados da Mother Base atacada no final do Prólogo (Metal Gear Solid V: Ground Zeroes).

Com SurVive, seremos apresentados a um outro momento da história de Metal Gear V, algo que até então, não se tinha ideia de que havia acontecido. Quando a base foi atacada, criou-se “buracos negros” que levaram alguns sobreviventes até outra dimensão. Nesta dimensão, os inimigos não serão (aparentemente) humanos e sim, alguma espécie de “zumbi”.

Dai então, temos o subtítulo SurVive. O jogo será focado em como sobreviver em grupo. Foi divulgado que o jogo contará com um multiplayer para até 4 gamers, em modo cooperativo.

A produtora indicou que ainda haverá alguma furtividade (principal característica da franquia Metal Gear Solid) no novo jogo. Se os inimigos realmente forem algum tipo de zumbi, podemos imaginar uma certa inspiração por The Last of Us.

Quanto ao enredo, o que podemos ver pelo vídeo é que possivelmente o foco deverá ser a reconstrução da Mother Base atacada. Ainda não há nada oficial sobre a aparição dos personagens mais conhecidos da franquia no novo game.

Confira então um pouco do que virá:

Aparentemente, a Konami pode esperar certa rejeição para o game, se a quantidade de deslikes no vídeo de apresentação refletir a aceitação do público.

 

Guilherme G. Miguel

“Nerd, Gamer, sagitariano chato” pelas palavras da namorada. Não tão nerd quanto os Robots e nem tão Gamer. Ama uma boa história, principalmente se vier acompanhada de um Joystick. Um Sonho: vestir o uniforme Cinematográfico do Homem-Aranha.